Bear Market e Bull Market: o que são e porque são diferentes?

Os mercados não são fixos, e muito menos estáveis. De fato, falar de mercado é falar de suas mudanças e das implicações que elas têm nos seus investimentos.

Para saber um pouco mais sobre como funcionam as variações do mercado, convidamos você a ler o post de hoje sobre Bull Market e Bear Market. O que são, o que muda de um para o outro e quanto tempo eles duram? Continue conosco e descubra!

Bull Market e Bear Market: gráficos 3D saindo da tela de um celular

O que é Bear Market? 📉

Para entender o que significa Bear Market, é preciso entender de onde vem a sua relação com Bear (urso, em inglês).

Os ursos, quando atacam suas presas, o fazem com um golpe de cima para baixo, com suas garras. Ou seja, quando se fala de Bear Market, estamos falando de mercados com tendência à baixa ⬇️

Certo, mas, além do óbvio, o que é um mercado em baixa? Trata-se de uma situação bursátil na qual um ativo financeiro permanece muito tempo perdendo valor. Isso não é uma exclusividade do dólar ou das criptomoedas: pode acontecer com qualquer ativo.

Traduzindo um Bear Market em números, ele acontece quando um ativo financeiro perde 20% ou mais de seu valor em um período de dois meses. Esse tipo de situação pode surgir, por exemplo, quando surgem crises econômicas globais.

Levando em consideração estes dois conceitos, ou seja, a patada do urso e a tendência de baixa, podemos entender melhor porque esse comportamento de um ativo financeiro se chama Bear Market.

Durante um Bear Market, os investidores ficam mais desconfiados e a incerteza sobre o futuro de seus ativos se instala.

O que é Bull Market? 📈

Se há um Bear Market, também podemos encontrar momentos de Bull Market. Diferente do urso, que ataca para baixo, o touro faz exatamente o contrário: com sua cabeça e chifres, desfere um golpe ascendente.

Por isso que, em Wall Street, há uma escultura de um touro! É como uma alusão a um lugar onde celebra-se o ganho de capital e os lucros de bons investimentos. O fato é que Bull Market é o termo usado para classificar mercados com tendência para a alta ⬆️

Em ciclos de alta nos mercados financeiros, o preço de ativos seguem uma tendência à valorização por um determinado período de tempo (ou é o que os investidores esperam que aconteça).

Esses períodos podem acontecer em momentos diferentes, e costumam ser influenciados por vários fatores, tais como a recuperação de uma crise econômica, a conquista de mais estabilidade política, etc.

No Bull Market os investidores ficam mais otimistas e confiantes em relação às suas posições nos ativos envolvidos.

📝 A principal diferença entre Bull Market e Bear Market são as tendências de mercado que cada um representa.

Se o Bear Market se refere a ciclos de baixa de mercados financeiros, o Bull Market representa períodos de alta. Ou seja, podemos dizer que Bear Market e Bull Market são opostos diretos.

Mesmo assim, ainda que representando momentos diferentes, ambos acontecem de forma aleatória e, de uma forma ou de outra, estão intimamente conectados.

Em outras palavras, quando uma tendência de baixa domina o mercado, é bem provável que, em algum momento, ela termine e o ciclo de alta volte a dominar.

Uma coisa é certa: não há Bull Market que não termine nunca, e o mesmo vale para os Bear Markets.

Na guerra Bull vs Bear Market, a única certeza é que ambos têm lugar garantido, só que alternadamente. Inclusive, uma das maiores habilidades que um investidor pode ter é exatamente conseguir prever quando começam e terminam para, assim, arriscar o menos possível.

Naturalmente, há quem consiga enxergar isso com mais claridade, mas é preciso ter um profundo conhecimento sobre mercados para acertar na mosca 🎯

Se não é seu caso, uma boa ideia é investir em estratégias a longo prazo e não ficar acompanhando as cotações diariamente, um comportamento que pode gerar ansiedade e fazer você tomar algumas decisões erradas.

Também vale a pena entrar aos poucos em uma criptomoeda em particular, e fazer aquisições periódicas, um tipo de compra fracionada (DCA) de ativos e não ser tão afetado pelas variações da cotação.

Como identificar o Bull Market e o Bear Market no Brasil? 🔍

Bull Market e Bear Market, como afetam ou são percebidos em um país como o nosso? Em primeiro lugar, lembre-se que o mercado crypto é mundial e o estado de nossa economia não necessariamente afeta os preços globais.

Além disso, o Brasil tem uma economia bastante particular. Ainda assim, por aqui, acontece a mesma coisa que em outras nações com características políticas, sociais e culturais parecidas.

Atualmente, estamos enfrentando um período bastante difícil, principalmente em função de crises econômicas mundiais, baixa na cotação de nossas principais commodities de exportação e também não podemos esquecer que estamos saindo de uma pandemia.

Resumindo: nós e o mundo inteiro estamos enfrentando um período de Bear Market.

Isso costuma afetar o mercado financeiro como um todo e investir em criptomoedas pode ser uma boa saída para ter uma reserva de valor a mais na sua carteira de investimentos.

Quanto tempo dura um bear market?

Como em muitas outras coisas no mercado financeiro, não há uma regra infalível para determinar quanto tempo dura um Bear Market.

Afinal de contas, cada ativo financeiro tem suas regras, seus momentos e são dependentes de outros fatores como as crises que citamos acima (e de sua superação).

Mesmo assim, ainda que não existam certezas, há indicadores que dizem que um Bear Market costuma durar cerca de 14 meses ⏳, podendo ser maior ou menor que isso.

O Bear Market mais longo da história durou 61 meses e terminou em 1942, quando os mercados registraram uma baixa acumulada de 60%. Já pensando em Bear Markets de menor duração, o mais curto foi de três meses e aconteceu em 1990.

Bull vs Bear market: quem “ganha”?

Isso vai depender de vários fatores, como por exemplo:

➡️ taxas de desemprego

➡️ crises econômicas

➡️ instabilidade nos governos

➡️ confiança dos investidores, etc.

Bull Market e Bear Market são duas caras da mesma “crypto-moeda”. É preciso estar atento e procurar se informar o máximo possível sobre os fundamentos da economia e de cada ativo em particular.

Aqui na Wiki da Lemon você pode conhecer vários projetos crypto e continuar aprendendo tudo sobre o futuro da economia! Dá uma olhada em nossos outros posts!