O que é USTC, a stablecoin algorítmica?

Lançada em 2019, essa stablecoin algorítmica foi construída sobre a blockchain Terra e está disponível para trade na Lemon Cash.

A USTC é uma stablecoin revolucionária no ecossistema criptográfico. Como um de seus diferenciais, tem a característica de não estar lastreada em moeda FIAT: é pareada com a LUNC, o token nativo da Terra.

Hoje, vamos explicar o que é USTC e por que esse token se destaca entre as outras moedas estáveis.

1USD TERRA USTC LUNAC

Para criar 1 USTC, é preciso queimar o valor de $1,00 USD do ativo de reserva LUNC. Ou seja, as LUNC podem ser trocadas pelo valor em dólares correspondente ao montante de USTC. Desta forma, busca-se manter a estabilidade dos preços dentro do sistema.

O que é Terra?

Terra é um tanto um protocolo como uma blockchain autônoma. Funciona aplicando o mecanismo de consenso Delegated Proof-of-Stake (DPoS), por isso, seus validadores fazem staking de LUNC para conseguir votar e validar blocos em nesta cadeia (essa é a principal função do token LUNC).

Terra é uma rede aberta para quem queira fazer transações, manter criptos ou construir projetos sobre ela.

Seu protocolo permite que os desenvolvedores criem e executem smart contracts, o que abre suas portas para dApps, serviços DeFi (finanças descentralizadas) e criação de diferentes stablecoins.

Esta última possibilidade é exatamente uma das principais features da plataforma, já que a Terra admite a criação de stablecoins lastreadas em moedas nativas de países específicos. A USTC, por exemplo, está pareada com o dólar americano (USD).

Na Terra, um usuário pode cunhar novas stablecoins pareadas com a moeda fiduciária nativa de seu país e mandá-las para qualquer lugar do mundo, instantaneamente, com tarifas baixas e sem limites bancários.

E tudo por meio da própria blockchain Terra, sem inconvenientes nem intermediários. De fato, o principal objetivo da Terra é criar uma stablecoin que possa ser usada mundialmente e que uma pessoa só precise de uma carteira de criptomoedas para fazer transações.

Exatamente por isso, a Terra desenvolveu a stablecoin USTC, além de uma criptomoeda nativa de sua rede, o token LUNC. Ambas foram criadas para proporcionar estabilidade a seus titulares, já que estão pareadas com o dólar americano.

Em outras palavras, o que se busca é manter sempre a cotação equivalente a de USD 1,00.

A crypto LUNC é usada para garantir a rede, sua governança e para manter a estabilidade do valor do outro token dessa blockchain, que também funciona como uma stablecoin: Terra USD (USTC).

Token USTC: o que é e como funciona?

A crypto USTC está ativa desde setembro de 2020. É uma stablecoin algorítmica, construída sobre a blockchain Terra.

O objetivo desse tipo de criptomoeda (stablecoins) é proporcionar estabilidade em sua cotação e equilibrar a emissão de ativos em circulação, já que está pareada com um ativo de reserva (que pode ser tanto uma moeda FIAT, o ouro ou commodities).

Mesa de trabajo 7

Neste sentido, emprega um algoritmo subjacente que emite mais unidades quando o preço está alto e opera na compra quando a cotação está mais baixa. Por isso, seu valor varia de acordo com a oferta e a demanda.

Para comprar esse tipo de cripto,  uma quantidade equivalente de dólares (em LUNC) é queimada. Isso permite a troca entre criptomoedas diferentes, já que a TerraUSD (USTC) pode ser trocada por LUNC, mas somente quando seu valor está mais alto que o dólar.

Quando está mais baixo, não é possível trocar LUNC nem por dólares, nem por USTC. Para cunhar 1 USTC, é preciso que se queime USD 1,00 do ativo de reserva LUNC.

Ou seja: LUNC pode ser trocada pelo mesmo valor em dólares correspondente ao montante em USTC. Dessa forma, é possível manter a estabilidade dos preços dentro do sistema.

Resumindo: a USTC é uma stablecoin respaldada por mecanismos algorítimicos, ou seja, o valor dessas moedas não está vinculado a outra moeda FIAT nem por outras cryptos. Seu vínculo acontece por meio de algoritmos que emulam o valor de outros ativos.

A principal desvantagem dos mecanismos algorítmicos é a vulnerabilidade da paridade durante bear markets e quedas repentinas do mercado.

Em outras palavras ➡️ se a pressão de venda se mantiver por um período muito longo, o preço vai cair abaixo do que o sistema é capaz de absorver, o que pode desencadear um espiral de baixa.

*Tenha em conta que o comércio de ativos digitais implica um significativo risco em função das perdas que podem ocorrer como resultado das flutuações próprias do mercado.